Home   /   Sem categoria  /   Banda Portuguesa ‘Paus’ é destaque em revista inglesa
Banda Portuguesa ‘Paus’ é destaque em revista inglesa

O concerto que os Paus deram no festival Optimus Alive no passado domingo, dia 15 de julho, foi o que teve mais audiência na história da banda lisboeta e chamou a atenção de uma equipa da revista inglesa especializada em música, a New Musical Express (NME).

A revista decidiu entrevistar a banda portuguesa depois de ter assistido ao concerto que abriu no domingo o palco, onde horas depois iriam atuar os britânicos Radiohead.

A publicação quis saber quando é que os Paus surgiram, que bandas os influenciam, contaram à agência Lusa o baterista Hélio Morais e o guitarrista Makoto Yagyu.

O também baterista Quim Albergaria afirmou à Lusa que a banda se sente “abençoada” pela forma como o EP e o álbum que editaram estão a ser recebidos pelo público português: “É mais difícil tocar para dez pessoas, do que para dez mil. Gostei muito da resposta do público, porque o disco não é tão imediato como o EP”, disse.

Para a revista NME, “se calhar 90 por cento das pessoas que leem a revista não conhecem os Paus e isto poderá ser o primeiro passo deles lá fora”.

“Depois de lerem, as pessoas ficam curiosas e pesquisam músicas deles na internet. Pode ser um primeiro passo para a internacionalização”, disse à Lusa um dos representantes da revista, Adam.

Adam e Emma, responsáveis pela parceria estabelecida este ano entre a revista e a organização do festival Optimus Alive, assistiram aos concertos dos Buraka Som Sistema, na sexta-feira, e dos Paus, no domingo, e acharam ambos “muito bons”.

Os dois consideram que “é importante” a música portuguesa estar representada no cartaz de um festival ao lado de nomes que são um sucesso a nível mundial, como os The Cure, os The Stone Roses ou os Radiohead.

Esta foi a primeira vez que uma equipa da NME marcou presença num festival de música português e definiram o Optimus Alive como “fantástico e muito bem organizado”.

“Vamos a 10 ou 15 festivais de música por ano e este é um dos melhores. O bom tempo está garantido – no Reino Unido o tempo é sempre mau – tem grandes bandas e um público amigável. Estão todos aqui para o mesmo: passar um bom bocado. Não vês confusão, ninguém a atirar copos pelo ar”, referiu Adam.

Fonte: Sapo.pt/Lusa

Comments

comments

Related Article