Home   /   Novos Singles  /   “Princesas” é o novo single de Dengaz que conta com a participação de Carolina Deslandes
“Princesas” é o novo single de Dengaz que conta com a participação de Carolina Deslandes

“Princesas, o novo single de Dengaz, já está disponível nas plataformas digitais. O novo tema conta com produção de Twins e com a participação especial de Carolina Deslandes no videoclip, que foi realizado por Pedro Dias & Pluma.

“Princesas” sucede a “Cura“, “Maria do Rosário” e “Eu Avisei“, neste regresso do rapper com uma nova fase criativa, depois do hiato que se seguiu ao enorme sucesso do álbum “Para Sempre”, de 2016.

Dengaz – Princesas [LETRA]

Eu sei que ele disse que isso ia ser perfeito
Que ele viu beleza até nos teus defeitos
Agora eu ligo mas tu já nunca atendes

E eu não queria ter razão mas eu avisei-te
Deu pra sentir o padrão
E não…
Essa merda já só para quando tiveres a corda no teu teto e a tua moral no chão

Então diz-lhe onde tiveste
E quantos homens é que já tiveste no teu passado
Tipo que isso serve pra ver se prestas,
Então pensa bem…

Se ele só te atrasa então já tá na hora
E se não quiseres então ninguém toca no teu móvel
E entende que se tu não quiseres então ninguém te toca
E se for minha filha então duas mães não dormem

E eu sei que essa dor no braço não foi uma queda bae
E já tens marcas no teu corpo
Mas tão tapadas por roupa de quem só tem medo
Sem ver que a culpa nunca é tua
Mas sei que tu vais voltar a beber da fonte que não te cura
E é assim que as princesas morrem

E agora já não danças
Mas dás outra chance
Como é que tu ainda não tás a ver
Nunca foi só daquela vez
É assim que as princesas morrem

Agora o som toca mas tu já não danças
Estás a colher tudo o que tu não plantas
E eu até entendo que o mal também te encante
Mas como é que ainda dás outra chance

Agora o som toca mas tu já não danças
Estás a colher tudo o que tu não plantas
E eu até entendo que o mal também te encante
Mas como é que ainda dás outra chance

Filha…
Se um dia aparecer alguém
Que não entenda que o teu corpo e o teu bem-estar são lei
Que não entenda que assustar uma mulher é lame
Queres sentir o coração bater
Mas se for por medo é game over nessa merda
É que ninguém dorme contigo se tu não quiseres
Ninguém merece ter o teu tempo se não vir que é um privilegio
Não deixes ninguém gritar contigo nem mudar o que tu vestes…
Não é isso que tu queres
Porque é assim que as princesas morrem

E agora já não danças
Mas dás outra chance
Como é que tu ainda não tás a ver
Nunca foi só daquela vez
É assim que as princesas morrem
E agora já não danças
Mas dás outra chance
Como é que tu ainda não tás a ver
Nunca foi só daquela vez
É assim que as princesas morrem

É assim que as princesas morrem!

Related Article