Home   /   Reportagens  /  Destaque  /   Reportagem | O Fado de Marco Oliveira correu com Amor
Reportagem | O Fado de Marco Oliveira correu com Amor

marco oliveira_fado_1

Marco Oliveira apresentou o seu mais recente trabalho, “O Amor É Água Que Corre”, perante o terraço do Museu do Fado repleto de amigos, colegas e fãs.

O primeiro tema interpretado pelo fadista na noite amena de Primavera que se fez sentir na quarta-feira foi “Gaivotas em Terra” (António dos Santos). Mas porque Marco Oliveira é, também, um bom músico, começou a sua apresentação com um belíssimo instrumental.

A viagem pelos temas do seu disco editado em março deste ano teve pontos marcantes como a interpretação do tema homónimo ao disco, ou “Disfarce”, no qual contou com a brilhante colaboração de António Rocha, que participou também no disco do jovem fadista.
Terminava a viagem do cantor, compositor e músico, acompanhado por Ricardo Parreira, na guitarra portuguesa, João Penedo no contrabaixo, e em alguns temas por José Elmiro Nunesna viola de Fado, mas não sem antes cantar a pedido do público um último tema, “Canção de Fé”, no qual o público fez questão de acompanhar o fadista, fosse a repetir o refrão, fosse com um ou outro passo de breve dança, aos quais o tema convida, dada a sonoridade animada.

Marco Oliveira é uma voz “à antiga” do Fado, que merece ainda mais atenção e desfrute por parte dos amantes de Fado, uma voz a reter.

Reportagem: Márcia Filipa Moura

Related Article