Home   /   Reportagens  /  Destaque  /   Reportagem | Viviane fez as suas “Confidências” no Cinema São Jorge
Reportagem | Viviane fez as suas “Confidências” no Cinema São Jorge

Viviane comemorou na passada quinta-feira, no Cinema São Jorge, acompanhada de diversos convidados e amigos, dez anos na sua carreira a solo.

viviane-confidências-cinema são jorge (9)

Viviane entrou no palco ainda sem iluminação e cantou à capella “Deixei a Janela Entreaberta”. Após “Dia Novo” e “Só o Sol”, cumprimentou o público, e apresentou o seguinte tema «o próximo tema chama-se precisamente “Confidências (da minha rua)”. Espero que passemos juntos uma excelente noite». Agradeceu ao público e referiu «ainda vos vou pôr a cantar e assobiar».

Com Luiz Caracol fez um dueto belíssimo com o tema “Não apagues o Amor”, ao qual se seguiu «uma voltinha por uma das cidades mais bonitas do Mundo!», com “Do Chiado Até Ao Cais”. A viagem seguiu entre diversos temas da carreira a solo da ex-cantora do grupo Entre Aspas, e passou também por dois temas do projeto “Rua da Saudade” que consiste numa homenagem a Ary dos Santos, nomeadamente “Cavalo à Solta” e “Desfolhada”, e que trouxeram consigo a palco Luanda Cozetti, Mafalda Arnauth e Susana Félix, numa união de vozes fantástica. Houve ainda lugar para os Coros do Conservatório de Música de Lisboa e de Mafra, com o tema “A Vida Não Chega”, outro belo momento da noite. Ainda antes dos últimos temas do concerto, juntou-se em palco Marta Miranda (dos Oquestrada) que juntamente com a anfitriã interpretou “Cantoras do Rádio”, com notável amizade.

Após terminado o concerto Viviane regressou a palco para brindar o público com mais três temas, de entre os quais novamente “A Vida Não Chega”. Desta feita, para além dos coros de Lisboa e Mafra contou também com o regresso de todos os restantes convidados ao palco. Mais um grande momento num concerto marcado pela amizade e pela sintonia entre todos os artistas.

De salientar a produção deste maravilhoso espetáculo do qual é de destacar a cenografia e toda a simbiose de luzes, que estiveram a cargo de Carlos Silva. Espetáculo que notavelmente agradou aos presentes, que se deixaram levar na viagem de dez anos de carreira a solo com ainda mais anos de experiência da cantora de voz peculiar.

Dez anos de canções a solo de Viviane, que merecem atenção por parte dos ouvintes, e que se espera que se multipliquem – os anos e os ouvintes.

Viviane foi acompanhada pelos músicos Diogo Melo de Carvalho, nas percussões; Filipe Valentim, nos teclados; Bruno Vítor Martins, no contrabaixo; João Vitorino, na guitarra acústica e Tó Viegas, na guitarra acústica e guitarra portuguesa.

Texto e fotos: Márcia Filipa Moura

[Mais fotos aqui]

Related Article